3 de fevereiro de 2009

no dia em que a terra estremeceu.


a terra estremeceu. senti o seu ruir debaixo dos meus pés. o pânico apoderou-se dos meus sentidos que quiseram fugir de dentro de mim. senti-me cair, olhei em volta e não consegui ver por entre a névoa esbranquiçada. lá fora ouvia o caos e a chuva a cair. cá dentro não ouvia absolutamente nada. o meu peito parou de bater para prestar atenção ao meu medo. o meu medo.. o meu medo que era como que um punhal que me atravessava sem eu saber ao certo porquê. as sirenes tocavam com mais força, os carros apitavam com mais frequência e as pessoas falavam cada vez mais alto. e o meu grito abafado não se ouvia em lado nenhum. chorei.

de repente tudo lá fora ficou em silêncio. olhei, estava tudo exactamente como antes.

sentiste?

4 comentários:

Vera Dinis Cruz disse...

Acho que senti algo...
Gostei muito do texto. U go blog girl x)
Beijo*

Anônimo disse...

:O
Eu sempre disse que tu tinhas jeito para a coisa.

Gostei bastante mesmo, ve se escreves mais "inspirações" por aqui :D


KIss

TILL

Luís Soares disse...

Senti! se senti.. epá, senti mesmo!

Anônimo disse...

LINDO *.*

Sim, inspira-te mais vezes annie (: @